Opportunities Preloader

Please Wait.....

Na Mídia

Vagas Fake, como identificar?

Ao abrir as redes sociais, lá está ele: o anúncio de uma vaga de emprego, que já enche os olhos de quem está procurando uma oportunidade. Essas vagas também chegam pelos grupos de WhatsApp, situação que tem se tornado comum e até facilita a vida de quem está à procura de trabalho. O problema é que nem sempre essas vagas compartilhadas são verdadeiras e uma simples tentativa de candidatura causa prejuízo tanto para os candidatos, que podem cair em golpes, quanto para as empresas, que por vezes têm seus nomes usados indevidamente e precisam desmentir as informações ali contidas. E ai nos perguntamos ? Porque são criados vagas fakes ? Qual intuito ? Infelizmente essa pratica tem sido muito comum. Algumas pessoas e empresas criam anúncios de falsas vagas. Existem algumas razões para esses falsos posts e iremos destaca-los como tambem conceder algumas dicas para evita-los. Contudo é importante dizer que isso tudo acontece muito por não termos o habito de ler o que é postado antes de sair compartilhando. Mal terminamos de ler um post e já saímos compartilhando. 1) Algumas empresas querem sondar o mercado, afim de mapear quanto os profissionais estão pedindo de pretensão salarial e benefícios; Acabam fazendo isso, muitas vezes sem má intensão, mas é uma pratica errada. Para isso devem contar com consultorias especializadas e ou sites de busca. 2) Obter informações pessoais dos candidatos projetando eventuais golpes ou até mesmo vender esse banco de dados para empresas. ( vale ressaltar a importância de ficar atendo quando for preencher seus dados. Se for um site desconhecido, fuja ! 3) Se o email for (hotmail, Gmail, yahoo ou semelhante, desconfie! As empresas costumam ter e-mail corporativo próprio. Além do que , as empresas costumam ter o próprio site para cadastro de currículos 4) Consultorias e Agencias de Empregos, geralmente recebem seus honorários do empregador (empresa contratante). Se houver publicação da vaga e cobrança para deixar o currículo ou participar de vagas, pode ser uma fraude. Neste caso avalie antes de realizar o investimento. 5) Não deixe seu telefone ou email em post. Certamente é um tipo de isca para ter o seu cadastro e posteriormente lhe vender algum produto. Jamais escreva SIM , EU QUERO em publicações. 6) No Linkedin, vaga Fake são para angariar novos seguidores e tambem para colher cadastro para comercialização. 7) Cheque a URL do site e verifique se corresponde com a URL da empresa a que se refere a vaga. 8) Ligue na empresa e verifique a autenticidade das informações. 9) No Linkedin, uma boa forma de saber se a postagem é fake é acessar o possível perfil fake e salvar a foto da pessoa. Em seguida, coloque no Google a opção imagens e faça o upload da mesma foto. O próprio google faz a busca. 10) Coloque o nome do anunciante no Google, se aparecer pouco conteúdo tambem é algo a se atentar. Empresas e profissionais consolidados, tem conteúdos publicados. Na Fibra RH atuamos muito com apoio aos profissionais que estão em busca de recolocacao profissional e geralmente indicamos sites e ferramentas mais seguras como Vagas.com, Infojobs, Indeed, e outros . Ainda assim não podemos garantir que todas as vagas ali são 100% seguras, mas se estivermos atentos as dicas aqui prestadas, certamente fugiremos de muitas armadilhas.