Opportunities Preloader

Please Wait.....

Na Mídia

O básico de tecnologia para se dar bem no mercado de trabalho

Com a crescente evolução do mercado de trabalho, é comum que as empresas optem por funcionários que tenham conhecimento tecnológico e sejam atualizados, pois isso facilita o desempenho na empresa e proporciona mais rapidez na execução dos serviços. Essa exigência do mercado estimula profissionais a buscar cursos profissionalizantes para se manter no trabalho ou, ainda, para conseguir melhores propostas. Alguns requisitos básicos são diferenciais que contam muitos pontos na hora da contratação por se tratarem de funções simples utilizadas na rotina de serviço. Segundo a consultora de seleção de recursos humanos da Fibra RH, Ariane Nazário, é recomendado que os candidatos tenham, pelo menos, conhecimento do pacote Office (Word, Excel, Power Point). “O ideal é que o candidato também saiba fazer planilhas e escrever corretamente, consiga manusear bem e-mails e tenha familiaridade com o computador”, explica. Uma das dúvidas mais comuns é como buscar esse conhecimento e colocá-lo em prática. Pode ser por meio de cursos específicos presenciais ou online. Os cursos à distância, aliás, têm sido uma alternativa para aprender rápido sem gastar muito. Algumas plataformas, como Udemy, Alura, Iped e Educa Mais Brasil oferecem cursos a preços acessíveis e alguns até gratuitos. Nem todos os trabalhos vão exigir do candidato conhecimentos sobre informática e tecnologia. Mas é importante ter em mente que, mesmo não pertencendo à área tecnológica, alguns empregos tratam esses conhecimentos como requisitos básicos, como é o caso das áreas administrativas, de liderança ou gerenciais. Tais vagas precisam de pessoas que possuam, no mínimo, familiaridade com o pacote Office. Quem tem nível intermediário ou até mesmo avançado pode ganhar pontos extras no processo seletivo. Tendências A área de Marketing e Comunicação é umas das áreas que mais cresceu nos últimos tempos, prova disso é que a procura por profissionais capacitados para fazer a gestão de mídias sociais cresceu, em média, 122% ao ano entre 2015 e 2019, segundo levantamento do Linkedin. O cargo de assistente de mídias sociais também entrou no rol, com alta anual de 60%. “ Além das profissões ligadas ao marketing e às mídias sociais, a lista conta com seis outras ocupações na área de tecnologia e computação – engenharia de cibersegurança e cientista de dados, por exemplo. Para se destacar nessas áreas, especialização é a palavra-chave. Nesse caso, o ideal é buscar cursos de graduação e pós-graduação. Os que estão em alta são: Engenharia da Computação, Sistemas de Informação, Ciências da Computação e Tecnologia da Informação. Conhecimentos essenciais Word: saiba usar um editor de textos para criar e alterar documentos Excel: importante para criar planilhas e relatórios PowerPoint: aprenda a usá-lo para criar apresentações impactantes E-mail: fundamental para se comunicar de modo formal no mundo corporativo Skype: necessário para realizar chamadas de vídeo e voz pela internet